Zconti

Saiba Tudo Sobre Regime Simples Nacional! Vantagens, Obrigações!

Aprenda sobre o Simples Nacional, que é um regime simplificado de apuração de impostos no âmbito federal, estadual e municipal onde você tem a possibilidade de pagar menos impostos na sua empresa com menos obrigações perante o governo. Entretanto, ensinarei também o passo a passo como é realizado a abertura de empresas nesse  regime. Continue a leitura e entenda!

             

 

Regime Simples Nacional

Quais as obrigações a empresa terá perante a Receita Federal e perante os estados e municípios se optar por esse tipo de tributação?

Primeiramente, enfatizando o simples nacional é um regime simplificado de apuração de impostos no âmbito federal estadual e municipal e perante também a contribuição previdenciária patronal. Então ele é um regime tributário onde se junta todos os impostos possíveis em uma única guia conhecida como DAS (Documento de Arrecadação do Simples Nacional).

Os seguintes impostos exigidos para pequenas empresas:

  • ‍Imposto de Renda da Pessoa Jurídica (IRPJ).
  • Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSLL).
  • Programa de Integração Social (PIS) e de Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep).
  • Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social (Cofins).
  • Impostos de Produtos Industrializados (IPI).
  • Imposto de Mercadorias e Serviços (ICMS).
  • Imposto Sobre Serviços (ISS).
  • Contribuição Previdenciária Patronal (CPP).

Tributação no Simples Nacional

Contudo, é importante vocês saberem quais são os 3 tipos de tributação que são (Simples Nacional, Lucro Presumido, Lucro Real). Porém, o CNPJ na tributação do Simples Nacional é a opção mais barata para quem está começando.

O Simples Nacional funciona da seguinte forma:

  • você que é de comércio começará pagando apenas 4% na alíquota para um faturamento de até R$15.000,00 por mês;
  • se for de serviços em geral  começará pagando apenas 6% sobre o faturamento médio mensal de até R$15.000,00 por mês;
  • Indústria pequena ou fábrica começará com a tributação de 4.5%;
  • E por último se você for do setor de Construção Civil, advocacia, limpeza e outros iniciará com 4.5% para faturamento mensal de até R$ 15.000,00.

Embora, se você for de uma profissão regulamentada como, por exemplo: (Engenheiros, Arquitetos, Médicos ou Dentistas). Ou seja! Profissões com órgão de conselho, legislações próprias. A Carga tributária no Simples Nacional se inicia pagando 15,5% de imposto pelo (anexo V).

Mas não se preocupe! Existe uma opção de você reduzir essa tributação para 6% no (anexo III) isso é possível através de um planejamento tributário, onde é usado uma regra que o governo criou que permite essa redução.

Essa regra é chamada fator “R” onde você inclui o seu pró-labore na folha de pagamento do seu CNPJ e a sua Carga cai de 15,5% para 6% inicialmente trazendo uma grande redução de impostos.

Após você definir tudo isso! Vamos para o passo a passo, como você conseguirá realizar a abertura do seu CNPJ Simples Nacional.

Passo a Passo 

Primeiramente, você vai ter que separar todas as documentações necessárias para fazer abertura.

Por exemplo; RG, CPF, CNH, além disso, necessitará também do comprovante de endereço residencial e comprovante de endereço onde vai ser a sua empresa. Com esses documentos em mãos, você vai definir as atividades que colocará no seu CNPJ.

Definiu sua atividade, consequentemente você precisará pensar em um nome para sua empresa, valor de capital que integralizará, qual é o tipo de empresa que pretende abrir, se será:

  • EI (Empresário  Individual)
  • SLU (Sociedade Limitada Unipessoal)
  • LTDA (Sociedade Empresarial Limitada)

Passo a passo para abrir um CNPJ Simples Nacional:

  1. Fazer o certificado digital do CPF;
  2. Solicitar a viabilidade na junta comercial;
  3. Preencher o DBE para pedir o CNPJ na Receita Federal;
  4. Preencher a FCN integrando junta comercial e receita;
  5. Pagar as taxas;
  6. Assinar os documentos;
  7. Protocolar o processo de abertura.

Licenciamentos 

Após, a constituído o seu CNPJ, você  deverá procurar a Prefeitura do seu município e solicitar o licenciamento da sua empresa, de forma online ou física, porém, isso depende da sua prefeitura, algumas prefeituras já estão atendendo digitalmente.

Estarei te passando alguns passos que você terá que tomar:

  1. Alvará de Funcionamento;
  2. Inscrição Municipal; é por último
  3. Emissão de Nota Fiscal.

1. Alvará de Funcionamento

Entretanto! O Alvará de Funcionamento é concedido a prefeitura do seu município e os documentos exigido são:

  • Comprovante residencial;
  • Ficha de inscrição declarada (FID);
  • Área total do consultório;
  • Declaração de profissional autônomo;
  • Declaração de ciência e cópia autenticada do alvará dos bombeiros.

Contudo, é obrigatório ter a autorização do Corpo de Bombeiros para a abertura.

2. Inscrição Municipal

Primeiramente, é preciso você entender o conceito, no Brasil, a Inscrição Municipal (IM) é o número de identificação do contribuinte no Cadastro Tributário Municipal. E é de caráter obrigatório para as empresas que prestam serviços.

3. Emissão de Nota Fiscal

Contudo! Após ter realizado todas as liberações necessárias, você deve estar se perguntando “é como emitirei nota fiscal?”. Pois, bem! Você terá 2 opções:

  1. Solicitar o acesso à prefeitura: Nessa opção você deverá ir até à prefeitura e efetuar um cadastro de solicitação para você conseguir ter acesso ao portal do site.
  2. Contratar alguma contabilidade que forneça esse serviço.

Enfim! Achou complicado? Fique calmo, nós temos sistema de emissão de nota fiscal, é grátis para nossos clientes da contabilidade.

Entretanto, esse foi um passo a passo mostrando como realiza uma abertura de uma empresa no Simples Nacional. Porém, existe algumas burocracia na abertura da sua empresa que você enfrentará, por exemplo, licença de alvará na prefeitura, além da burocracia, existe o alto custo anual! Vendo isso resolvemos arrumar uma solução e chegamos a uma conclusão “Sede Virtual”. 

Sede Virtual em Brasília

Em alguns estado como, por exemplo, Rio de Janeiro o custo de emissão de Alvará e muito alto podendo chegar ser cobrado até R$1.500,00 anual, vendo isso fizemos uma pesquisa ao nível nacional e chegamos a conclusão que o melhor lugar para se abrir uma empresa é em Brasília-DF.

Em outras palavras, por a capital não ter prefeitura só é cobrado uma taxa de licenciamento anual de R$40,00. Além do custo benefício você vai estar evitando burocracias no processo, porque enquanto em outras capitais demora até 60 dias para você está conseguindo emitir nota fiscal. Já no endereço virtual em Brasília em 10 dias você já vai estar conseguindo emitir sua nota fiscal. Ou seja, você terá muitos  benefícios  em usar uma sede virtual.

Porém, aos profissionais que tiverem conselho de classe como (Engenheiros, Arquitetos, Médicos ou Dentistas) por ter um conselho regional, fica impeditivo de abrir em um endereço fiscal que não seja do seu estado. Se ficou alguma dúvida contate um dos nossos especialista.

             

 

O Seu Sucesso Depende De Você!

A princípio, com todas essas dicas te ajudou no processo de como abrir uma empresa de serviços, sem dúvida. Mas o sucesso da empresa depende de você. Estude a concorrência, o mercado, se mantenha atualizado. Estarei, te passando 3 dicas valiosas para você conseguir gerenciar seu negócio com mais rapidez e mais resultado.

  • A primeira dica: É importante que você tenha ferramentas tecnológicas que vão ajudar no processo administrativo da sua empresa, a tecnologia é uma grande aliada, busque ferramentas que facilitem o dia a dia da sua empresa.
  • A segunda dica: Sobre gerenciamento, e a gestão pode ser facilitada com um bom software financeira e emissão de notas fiscais, não comece seu negócio sem uma gestão correta, independente do tamanho do seu empreendimento, e fundamental para você ter ferramentas para a sustentabilidade da sua empresa.
  • A terceira dica: É sobre Marketing digital, os tempos mudaram e a maneira de fazer marketing também mudou, hoje em dia é essencial ter uma presença online para que as pessoas te encontrem. Hoje existem empresas que não tem estrutura física e fatura milhões pela internet, por isso minha dica para você é que você tenha presença online, primeiro você deve ter um bom site, fazer campanhas no Google, Facebook, Instagram, tudo isso vai ajudar você a vender muito mais.

abertura de empresa no regime simples nacionalFonte: Foto: Reprodução/Internet/Google imagens/Freepik

Conclusão

Enfim, Chegamos ao final desse conteúdo, contudo! Gostou do texto? Quer saber mais sobre a contabilidade para empresas de serviços? Fale com nossa equipe de especialistas!

             

 

Rolar para o topo