Zconti

Como Abrir um CNPJ Simples Nacional

Como abrir um CNPJ Simples Nacional? De forma simples e pagando o menor custo possível! Ou seja, nesse conteúdo vou falar como que você pode estar abrindo o seu CNPJ Simples e economizando muito dinheiro, que é o que todo mundo precisa principalmente nesses primeiros momentos. 

Primeiramente,  aqui nós somos especialista no ramo do seu negócio e damos toda consultoria e o suporte necessário que você precisar, atendemos em todo o Brasil de forma 100% digital.

             

 

CNPJ no Simples Pagando o Menor Imposto Possível

Como abrir um CNPJ simples pagando o menor imposto possível? E ainda rentabilizando muito mais o seu negócio, porque no final das contas a carga tributária no Brasil acaba levando uma grande fatia do seu faturamento.

Por isso é muito importante saber escolher o tipo de CNPJ correto para você! E ainda conseguir uma redução tributária.

abrir empresa simples nacionalFonte: Foto: Reprodução/Internet/Google imagens/Freepik

Tributação

Primeiramente pessoal é importante vocês saberem os tipos de tributações existente que são: ( Simples Nacional, Lucro Presumido e o Lucro Real) mas vou falar mais especificamente sobre o Simples Nacional e o Lucro Presumido, vamos lá!

Quem abriu o seu CNPJ e enquadrou no Simples Nacional por exemplo pode iniciar com apenas 6% de tributação.

O CNPJ na tributação do Simples Nacional  é a opção mais barata para quem está começando seu negócio e que não tem um faturamento tão expressivo.

A outra opção é o Lucro Presumido, independente do valor do seu faturamento ela vai variar de 13.33% até 16.33% dependendo da sua cidade.

Isso porque em algumas cidades o imposto Municipal é maior do que em outras, por isso tem essas variações! Esse tipo de tributação é mais para empresas que tem um perfil mais adequado por conta do seu faturamento elevado ou por conta da sua atividade.

Outra informação importante a ser destacada é que existem vários tipos de natureza jurídicas para você estar abrindo o seu CNPJ.

Tipos de CNPJ

  1. SLU (Sociedade Limitada Unipessoal) : É um tipo de empresa que tem a mesma proteção jurídica da EIRELI, porém a EIRELI foi extinta ! Nela você pode começar com um  capital social de R$ 10mil por exemplo, já na EIRELI você precisaria integralizar um capital de 100x o salário mínimo. Então a SLU é o melhor tipo de empresa para quem busca uma proteção jurídica.
  2. EI ( Empresa Individual) :  Existe também  o tipo de empresa EI (empresário individual) que é como se fosse uma evolução do MEI. Nela você pode faturar mais, porem ela não traz a proteção jurídica da SLU sobre os seus bens pessoais.
  3. LTDA ( Sociedade Empresarial Limitada): Esse é um  modelo  mais comum, ou seja ele permite você ter um ou mais sócios, no entanto você que está pensando em abrir um CNPJ e quer ter sociedade, enfim esse é o modelo ideal para você.

Dentre essas opções que te citei existe a opção do MEI que é uma empresa que tem algumas limitações por exemplo o CNPJ MEI é um tipo de empresa que não pode faturar  mais do que R$ 6.750,00 mensal e  81 mil anual.

Uma ênfase importante é que esses R$81 mil anual ele é proporcional aos 12 meses. Porém tem que obedecer o limite mensal de R$6.750,00 e de compras de mercadorias você não pode ultrapassar mais que R$5.400,00 por mês.

Apesar disso, você como MEI por exemplo não poderá ter mais de um funcionário de um salário mínimo e, acima de tudo  você não vai conseguir empréstimo bancário fácil, então você vai encarar essas limitações! Pode até conseguir um empréstimo mas os valores são muito baixo.

para quem quer crescer rápido esses são os tipos de empresas, agora é ver qual desses mais se adequa ao seu perfil de negócio.

Simples Nacional

A tributação do Simples Nacional é adequada para qualquer tipo de CNPJ que eu citei anteriormente. O Simples funciona da seguinte forma:

  • você que é de comércio começara pagando apenas 4% na alíquota para um faturamento de até R$15.000,00 por mês;
  • se for de serviços em geral  começara pagando apenas 6% sobre o faturamento médio mensal de até R$15.000,00 por mês;
  • Indústria pequena ou fábrica começara com a tributação de 4.5%;
  • E por ultimo se você for do setor de Construção Civil, advocacia, limpeza e outros iniciará com 4.5% para faturamento mensal de até R$ 15.000,00.

Contudo, se você for de uma profissão regulamentada como por exemplo: (Engenheiros, Arquitetos, Médicos ou Dentistas) Dentre outras que exige uma carga tributária maior no Simples Nacional que se inicia pagando 15,5% de tributação.

Mas não se preocupe! Existe uma opção de você reduzir essa tributação para 6% isso é possível com um planejamento tributário onde é usado uma regra que o governo criou que permite essa redução.

Essa regra é chamada fator “R” onde você inclui o seu pró-labore na folha de pagamento do seu CNPJ e a sua Carga cai de 15,5% para 6% inicialmente trazendo uma grande redução de impostos.

Conclusão

Enfim, Chegamos ao final desse conteúdo , espero que vocês tenham gostado, qualquer dúvida  pode contar conosco para mais  esclarecimentos.

             

 

Rolar para o topo
Open chat